Fase ruim: Rogério Ceni tem o 2º pior aproveitamento de técnicos do Flamengo nos últimos 10 anos

Frustração, é a palavra que define o trabalho de Rogério Ceni no Flamengo. Não apenas pela derrota por 2 a 0 para o Ceará, mas pela falta de evolução da equipe neste período. São apenas 12 jogos, mas os 44.4% de aproveitamento deixam torcedores e dirigentes insatisfeitos e colocam o treinador com o segundo pior aproveitamento nos últimos 10 anos.

“Confortável acho que ninguém se encontra nesse momento aqui. eu me sinto capacitado para trabalhar no Flamengo. Agora confesso que não consegui até agora os resultados que a gente queria. Confortável, nenhum flamenguista, ninguém que trabalha no Flamengo está”.

Ao todo, Rogério soma quatro vitórias, quatro empates e quatro derrotas. Um dos motivos de críticas é que, devido às eliminações recentes na Libertadores (nas oitavas de final para o Racing) e na Copa do Brasil (nas quartas para o São Paulo), o Flamengo está tendo semanas livres para treinar e não enfrentou surtos de Covid-19 no elenco.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.